Conecte-se Conosco

Notícias

Autoridades e produtores de Água Boa visitam obras da estrada vicinal AB-100

Publicado

em

Foto: Ascom – AB

Autoridades municipais, técnicos da Prefeitura e Produtores Rurais da localidade se reuniram na estrada vicinal AB-100, atualmente em obras de terraplanagem.

As obras visam a pavimentação de aproximadamente 20 quilômetros do trecho que tem início no entroncamento da MT-240, onde está sendo instalada a empresa Cocamar, até a ponte do Rio Sete, entrada da Fazenda Camargo Soares, localidade próxima do antigo Bar do Carlinhos.

O custo da terraplanagem e pavimentação está estimado em cerca de 23 milhões de reais. O projeto envolve recursos do Governo do Estado, da Prefeitura e uma contrapartida dos Produtores Rurais que compreendem o trecho.

O asfalto deverá beneficiar as fazendas da região, a comunidade do P.A. Jaraguá, da localidade da Visão, e acelerar o percurso para o P.A Nacional, Serrinha, Jaraguá e transeuntes em direção ao Garapú.

Publicidade

Segundo os produtores envolvidos, os benefícios são muitos, desde a conservação dos veículos, a facilidade e tempo do trajeto, tanto para a logístca das safras quanto para o transporte escolar e veículos de passeio, bem como a valorização das propriedades com o “asfalto na porta”.

A Associação dos Produtores Rurais ainda está atrás de mais vizinhos parceiros para ajudar nesse empreendimento e contam com a solidariedade e a força do agro para tornar a AB-100 uma realidade.

Segundo o setor de engenharia da Prefeitura, o trabalho já está em 16% de avanço e pretende chegar a 25% até o final de junho.

Tener Baumgardt – Ascom/AB

Colaborou: Astrogildo Nunes – [email protected]

Publicidade
Continue Lendo
Publicidade
Clique Para Comentar

Deixe uma Resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Notícias

Nubank Libera R$ 4.500 no Cartão de Crédito – Veja Como Garantir o Seu Agora Mesmo Pelo Aplicativo.

Publicado

em

nubank-libera-r$-4500-no-cartao-de-credito-–-veja-como-garantir-o-seu-agora-mesmo-pelo-aplicativo.



Em meio ao desenvolvimento contínuo do mercado financeiro, o Nubank se destaca novamente com um lançamento inovador.

A fintech brasileira lançou um novo programa que visa facilitar o acesso ao crédito para pessoas físicas com dificuldades financeiras anteriores. Esta iniciativa é uma esperança para aqueles que geralmente são excluídos pelo sistema financeiro tradicional.




O novo programa do Nubank oferece liberação de crédito de até R$ 4.500, disponível diretamente pelo aplicativo, inclusive para pessoas com restrições em seu nome.

O processo é simples e eficiente, quebra barreiras burocráticas e permite a rápida ativação do limite de crédito.

Transferência de acesso ao crédito

A missão do Nubank de democratizar os serviços financeiros no Brasil é reforçada por meio dessa iniciativa. Ao fornecer crédito para os negativos, a fintech não apenas resolve problemas financeiros imediatos, mas também contribui para a recuperação econômica de longo prazo de seus clientes.


Publicidade

As vantagens incluem:

  • Inclusão financeira: As pessoas excluídas do sistema financeiro tradicional agora podem construir um histórico positivo e alcançar novas metas.
  • Educação Financeira: O Nubank oferece ferramentas e conteúdos para ajudar seus clientes na gestão financeira, promovendo hábitos saudáveis e responsáveis.
  • Oportunidades: O acesso ao crédito possibilita novos negócios, investimentos e a realização de projetos pessoais e profissionais.

Novas opções de investimento

Além de expandir o crédito, o Nubank está explorando novos horizontes em investimentos. O portfólio de fintechs agora inclui CDBs, opções de renda variável e tesouraria direta, destacando o compromisso da empresa em oferecer opções diversificadas de investimentos para diferentes perfis de usuários.

Fundos Mútuos

Uma das novidades mais inovadoras é a função “Fundos de Investimento”, que permite aos clientes organizar seus fundos de acordo com metas e prazos específicos.

A ferramenta, acessível por meio da aba “Planejamento” do aplicativo do Nubank, proporciona uma visão clara do crescimento do investimento, permitindo uma gestão mais independente e estruturada.

Por meio dessas iniciativas, o Nubank não apenas atende às necessidades financeiras imediatas, mas também orienta seus clientes para uma melhor regulação financeira, atingindo metas de longo prazo, aumentando a transparência e o controle sobre os investimentos pessoais.




Publicidade
Continue Lendo

Notícias

Bolsa Família Oferece Empréstimo de R$ 6.000 – Veja Como Pedir o Seu

Publicado

em

bolsa-familia-oferece-emprestimo-de-r$-6.000-–-veja-como-pedir-o-seu



O programa Bolsa Família, atualmente integrado ao Auxílio Brasil, passa por mais uma transformação com o lançamento de uma nova modalidade de empréstimo que promete facilitar o acesso a financiamento para iniciativas de PMEs. O limite de crédito chega a 6.000 reais, mas as condições para concedê-lo mudaram significativamente em relação à prática anterior.

Por isso, a revisão faz parte de um esforço mais amplo do governo federal para apoiar empreendedores de baixa renda e estimular a geração de emprego e renda por meio de um programa recém-lançado chamado Acreditar. Portanto, essa iniciativa é uma perspectiva que pode proporcionar novas oportunidades para quem mais precisa.




Quem é elegível para um novo empréstimo do Bolsa Família?

O novo empréstimo foi desenvolvido com o objetivo principal de facilitar a formalização dos participantes do programa e promover o crescimento de pequenas e médias empresas. Diferentemente dos modelos anteriores, que se limitavam aos planos salariais, essa iniciativa visa atingir um público mais diverso e inclusivo.

  • Inscritos no CadÚnico;
  • Beneficiários do Bolsa Família;
  • Preferencialmente mulheres empreendedoras;
  • Pessoas que já possuem um pequeno negócio ou desejam iniciar um;
  • Produtores rurais que buscam ampliar suas atividades.


Para acessar o crédito, é importante fornecer um plano de negócios detalhado que abranja seu setor, público-alvo, produtos/serviços e sites de vendas. Além disso, o pedido deve ser apresentado diretamente a um banco como o Banco do Nordeste, Caixa Econômica Federal ou Banco do Brasil, e não ao CRAS. Os documentos necessários incluem RG, CPF, certidão do cadastro unificado e plano de negócios.

Quais são os próximos passos após a submissão da proposta?

Depois de enviar todos os documentos necessários e formalizar a proposta de empréstimo, é importante realizar uma simulação para entender quanto dinheiro pode ser financiado. Com uma proposta adequada, o processo prossegue para análise e, se aprovado, o empréstimo é elaborado nos termos acordados. É dada especial atenção à abertura de instituições do Oriente Médio, se necessário, para garantir sua formalização como entidade legal.

Por isso, o formato do novo empréstimo do Bolsa Família facilita uma grande oportunidade para quem deseja lançar ou formalizar um pequeno negócio e precisa de apoio financeiro para dar esse importante passo. Informações adicionais podem ser encontradas nas agências dos bancos participantes ou na plataforma oficial do programa.

Publicidade



Continue Lendo

Notícias

Lula Aprova Seguro-Desemprego para MEI: Entenda a Nova Medida e Como Solicitar o Benefício!

Publicado

em

lula-aprova-seguro-desemprego-para-mei:-entenda-a-nova-medida-e-como-solicitar-o-beneficio!



Os pequenos empreendedores individuais, conhecidos como “MEIs”, podem comemorar a realização de seus novos direitos: a Câmara dos Comuns aprovou uma nova proposta para fornecer seguro-desemprego para essa categoria. Saiba quando a oferta estará disponível.

As novas medidas permitirão que os empresários que perderam sua fonte de renda contem com seguros, que até agora ainda são limitados aos trabalhadores comuns sob o sistema CLT (Integração das Leis do Trabalho).




Quem pode solicitar o desemprego como MEI?

Embora ainda não tenham sido implementados, os pequenos empreendedores já devem estar preparados para os requisitos básicos que o governo federal pode ter estabelecido para liberar os benefícios.

Descubra quais são:

  • Você deve ter contribuído como instituição MEI por um período mínimo de tempo, mas ainda não especificado em lei.
  • Prove que você não tem renda suficiente para sustentar a si mesmo e sua família depois de interromper as atividades.
  • Envie uma declaração de Imposto de Renda Pessoa Física (IRPF) para comprovar sua situação financeira.


Quais são os benefícios do seguro-desemprego no MEI?

As vantagens incluem:

Estabilidade financeira: Os benefícios devem ajudar nas despesas básicas, além de garantir uma renda mínima durante o período de desemprego e manter a estabilidade financeira.

Publicidade

Economiza tempo para procurar novas oportunidades de negócios ou reconstruir seu negócio sem passar por fraquezas financeiras.

Reduz o medo do empreendedorismo e incentiva o empreendedorismo com uma rede de segurança em caso de dificuldades.

Quando e como posso solicitar o seguro-desemprego como MEI?

É importante entender que esta proposta foi aprovada apenas pela Duma Estatal e ainda não entrou em vigor. Para que o presidente Luiz Inácio Lula da Silva aprove o projeto, ele deve passar por um debate para aprovação no Senado.

Uma vez aprovado, o governo precisará especificar os detalhes do benefício, incluindo os pré-requisitos para o pedido, o valor do prêmio e a duração do pagamento.




Publicidade
Continue Lendo

Tendência