Conecte-se Conosco

Transporte

Polícia Penal localiza dezenas de celulares, chips e carregadores em blocos de concreto na PCE

Publicado

em

Reprodução

 

O Serviço de Operações Especializadas (SOE) da Polícia Penal apreendeu dezenas de materiais eletrônicos na Penitenciária Central do Estado (PCE), em Cuiabá, na manhã desta terça-feira (28.05).

Os policiais penais realizavam rondas internas e externas da penitenciária quando localizaram os materiais dentro de blocos de concretos.

Os eletrônicos foram arremessados por cima da muralha e estavam escondidos em blocos de concretos da área interna da penitenciária.

Publicidade

No total, a Polícia Penal apreendeu 25 celulares smartphones, 35 chips, 37 carregadores, 34 cabos USB, e 335 gramas de substância análoga a pasta base.

O material foi encaminhado para Polícia Civil, que dará continuidade às investigações.

Mídia Rural, sua fonte confiável de informações sobre agricultura, pecuária e vida no campo. Aqui, você encontrará notícias, dicas e inovações para otimizar sua produção e preservar o meio ambiente. Conecte-se com o mundo rural e fortaleça sua

Continue Lendo
Publicidade
Clique Para Comentar

Deixe uma Resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Transporte

Polícia cumpre 35 ordens judiciais para apurar furto de armas de fogo em Fórum de Mato Grosso

Publicado

em

foto: assessoria/arquivo

 

A Polícia Civil, por meio da Delegacia de Água Boa, deflagrou, esta manhã, a operação Dólos, para cumprimento de 35 ordens judiciais, que integram o trabalho de investigação do furto de dezenas de armas de fogo de dentro do almoxarifado do Fórum do município. Na operação são cumpridos 32 mandados de busca e apreensão e um de prisão na cidade de Água Boa e dois mandados de busca e apreensão na cidade de Mauá, em São Paulo. A operação conta com a participação de mais de 100 policiais civis do estado de Mato Grosso e com apoio do Centro Integrado de Operações Aéreas (Ciopaer) e da Polícia Civil do estado de São Paulo.

As investigações conduzidas pelo delegado de Água Boa, Matheus Soares Augusto, apontam que um prestador de serviço do Fórum, que tinha acesso à sala de armas e de objetos apreendidos, subtraiu diversas armas de fogo que ficavam guardadas no local e as revendeu para criminosos e outras pessoas da cidade.

Ainda não foi possível confirmar o número de armas subtraídas, mas a estimativa é que sejam mais de 30. As ordens de busca e apreensão tem como foco a localização das armas, assim como angariar outros elementos que possam auxiliar no avanço das investigações e na identificação das pessoas envolvidas no comércio do armamento. “Com o cumprimento dos mandados esperamos apreender o maior número de armas possível, colher novos elementos que ajudem a esclarecer os fatos, e identificar outras possíveis pessoas envolvidas no crime”, disse o delegado.

Publicidade

Redação Só Notícias

Colaborou: Astrogildo Nunes – astrogildonunes56@gmail.com

Continue Lendo

Transporte

Operação Karipuna: PRF em Rondônia resgata trabalhadores em situação degradante em Reserva Extrativista

Publicado

em

PF/RO

Durante a Operação Karipuna, que teve início no começo deste mês, a Polícia Rodoviária Federal (PRF) em Rondônia desempenhou um papel crucial no resgate de quatro trabalhadores que estavam vivendo em condições análogas à escravidão. As propriedades de criação de gado, localizadas na Reserva Extrativista (RESEX) estadual de Jaci-Paraná (RO), ao lado da Terra Indígena Karipuna (TIKA), foram alvo da ação conjunta dos órgãos responsáveis pela garantia dos direitos trabalhistas.

Durante a operação, coordenada pelo Ministério do Trabalho e Emprego (MTE), um vaqueiro e outros três trabalhadores, incluindo um adolescente de 16 anos, foram resgatados de condições degradantes. Essas pessoas foram contratadas para realizar tarefas na pastagem, porém, viviam em locais precários, sem acesso a água potável e instalações sanitárias.

Os empregadores foram autuados pelas irregularidades encontradas e notificados a pagar os salários e rescisões devidas. Destaca-se que, durante a ação, a PRF identificou um mandado de prisão em aberto contra um dos trabalhadores resgatados pelo crime de homicídio, procedendo imediatamente à sua detenção. Além disso, um rifle calibre .22 de fabricação caseira, que estava em uma das propriedades, foi apreendido.

A Terra Indígena Karipuna (TIKA) está passando por um processo de desintrusão, e as propriedades fiscalizadas estão diretamente ligadas, de forma social e econômica, a esse processo de retirada dos invasores. A atuação conjunta dos órgãos foi fundamental para garantir a eficácia da operação.

Publicidade

Além da Polícia Rodoviária Federal (PRF), a ação contou com a participação do Ministério Público do Trabalho (MPT), da Defensoria Pública da União (DPU), da Polícia Federal (PF) e do próprio Ministério do Trabalho e Emprego (MTE). A integração desses órgãos demonstra o compromisso conjunto em combater o trabalho escravo e garantir a dignidade dos trabalhadores brasileiros.

FONTE: ASSESSORIA PRF

Colaborou: Astrogildo Nunes – astrogildonunes56@gmail.com

Publicidade
Continue Lendo

Transporte

Roubos de gado reduzem 82% em MT nos primeiros meses de 2024; furtos de carga têm queda de 73%

Publicado

em

Sesp-MT

Mato Grosso registrou queda de 82% no índice de roubos de gado entre janeiro e maio de 2024, em relação ao mesmo período de 2023. Os dados integram relatório da Secretaria de Estado de Segurança Pública (Sesp) sobre crimes relacionados às atividades produtivas no campo e também mostram que, no mesmo período, o índice de furtos de cargas reduziu 73%.

O secretário de Estado de Segurança Pública, César Roveri, avalia que a queda dos índices criminais é um dos resultados da implantação da Patrulha Rural em todos os municípios e dos investimentos em viaturas, armamentos modernos, tecnologia, intensificação das investigações e operações policiais, entre outras ações do Governo do Estado.

A Patrulha Rural foi implantada em 2021 para levar segurança aos que produzem e vivem no campo, e recebeu,somente em 2023, R$ 18 milhões em investimento, com reforço no efetivo, viaturas, armas e equipamentos.

“As forças policiais estão em todas as regiões de Mato Grosso fazendo o trabalho ostensivo de prevenção e a repressão forte à criminalidade. Temos mais policiais, viaturas, tecnologia e armamentos modernos para fazer esse enfrentamento”, destaca Roveri.

Publicidade

No ano passado, foram registradas 11 ocorrências de roubo de gado no Estado e, no mesmo período de 2024, foram dois registros, o equivalente a uma queda de 82%. Na modalidade furto, esse crime apresenta queda de 20%, de 86 para 66 casos.

Entre janeiro e maio de 2023, a Sesp registrou 93 furtos de carga. No mesmo período de 2024, foram registrados 25, o equivalente a uma queda de 73%. Na modalidade roubo, foram registrados 89 casos no período, com queda para 44 em 2024, que mostram redução de 51%.

Sobre roubos de insumos agrícolas (adubos e similares), relatório do Observatório da Segurança aponta queda de 46%. De 13, caiu para sete ocorrências. Já os furtos desse mesmo produto reduziram em 26%, de 27 para 20.

Além do policiamento especializado da Patrulha Rural, Roveri lembra que o Vigia Mais MT também está monitorando as áreas rurais. “As câmeras de videomonitoramento estão em diversos pontos de rodovias, estradas secundárias e acessos às propriedades rurais de onde sai a produção de grãos e animais de pequenas e grandes propriedades de Mato Grosso”.

A Sesp comprou e distribui 15 mil câmeras às prefeituras, associações, grupos empresariais, conselhos comunitários, entre outras instituições, para reforçar a segurança na cidade e no campo.

Publicidade

“Estamos nas áreas rurais, também, com o programa Tolerância Zero às invasões. Então, a queda dos índices é resultado dessa combinação de investimentos, de políticas públicas de segurança do Governo do Estado e do empenho das forças policiais”, completa Roveri.

Alecy Alves | Sesp-MT

Colaborou: Astrogildo Nunes – astrogildonunes56@gmail.com

Continue Lendo
Publicidade
Publicidade
Publicidade
Publicidade Enter ad code here

Tendência