Últimas Notícias
Destaques

Dia Nacional da Agricultura Irrigada é instituído em 15 de junho

A Confederação da Agricultura e Pecuária do Brasil avaliou como positiva a Lei 14.830/2024, que institui o Dia Nacional da Agricultura Irrigada, em 15 de junho. A lei, publicada no Diário Oficial da União, foi uma reivindicação da CNA junto com outras entidades do setor e do governo como forma de incentivo e reconhecimento à sustentabilidade do setor agropecuário do país. Para defender os interesses da atividade, a CNA conta com a Comissão Nacional de Irrigação. De acordo com o presidente do colegiado, David Schmidt, a importância de se ter um dia para comemorar a agricultura irrigada no país é criar nessa data um senso crítico sobre a importância e a necessidade da irrigação para a população. “É como acontece quando se comemora o Dia da Água, do Meio Ambiente, agora temos o da Agricultura Irrigada. Nossa expectativa é a construção de agendas positivas e mostrar a realidade sobre o que o agro promove no país e como a irrigação é o grande aliado na produção de alimentos e no desenvolvimento social das regiões.”, destaca. A agricultura irrigada desempenha um papel fundamental na produção de alimentos, no intuito de garantir a segurança alimentar e contribuir para o crescimento econômico do país. Com a criação deste dia, as comemorações poderão ocorrer por meio de eventos e ações que visam divulgar e promover a agricultura irrigada, destacando seu impacto positivo na sociedade e no meio ambiente e como esse tema está ligado no dia a dia da população brasileira e mundial. Segundo a assessora técnica da Comissão, Jordana Girardello, o Dia Nacional da Agricultura Irrigada também serve como um lembrete da importância de investir em tecnologias e práticas sustentáveis para garantir a produtividade e eficiência desse setor. “O uso da irrigação ainda é pequeno frente ao potencial estimado do País. Não temos dúvida de que a tecnologia é um apoio e uma política de inclusão para melhorar a qualidade de vida e a renda das populações”, afirmou a assessora técnica da CNA. De acordo com a Agência Nacional de Águas (Ana), no Brasil, 8,2 milhões de hectares estão equipados para irrigação. O Brasil tem potencial efetivo para irrigação de mais 13,7 milhões de hectares, com projeção de crescimento de 250 mil/ha/ano até 2040. Entre as principais atividades irrigadas estão o arroz (15,9%), a cana-de-açúcar (9,1%), café (5,5%) e as culturas irrigadas por pivô central (17,6%). CNA Foto: Reprodução Colaborou: Astrogildo Nunes – astrogildonunes56@gmail.com


« VOLTAR
AVANÇAR »

Nenhum comentário