Últimas Notícias
Destaques

Raça Holandesa aumenta em 9,44% número de registros no Rio Grande do Sul em 2023

O número de registros da raça Holandesa no Rio Grande do Sul fechou em 10,13 mil no ano de 2023. Os números foram divulgados pela Associação dos Criadores de Gado Holandês do Rio Grande do Sul (Gadolando). A alta é de 9,44%, ante os 9,26 mil animais registrados em 2022. O número de classificações lineares também cresceu, de 1,36 mil em 2022 para 2,38 mil em 2023, elevação de 75,3%. O presidente da Gadolando, Marcos Tang, salienta que quando observados os números de 2023, em um ano tão difícil para o produtor, se vê com alegria esses resultados. "Evidentemente que nós temos espaço aqui no Rio Grande do Sul para crescermos mais, e nesse sentido temos um desafio já lançado aí para o ano que se inicia. Mas não alcança o sucesso quem não valoriza conquistas de passo a passo. Como disse, em um ano de dificuldade você incrementar números deve ser muito elogiado", ressalta. Conforme o dirigente, chama bastante a atenção que o produtor entendeu também a necessidade e a importância de fazer classificação morfológica e controle leiteiro na propriedade. "A classificação tem incrementado muito também, pontuando as coisas boas e apontando ali na classificação algumas fraquezas que você deve corrigir para geração futura. Então isto gera a grande possibilidade de você fazer um acasalamento corretivo, tentar anular aqueles defeitos nesta matriz para que sua progênie seja corrigida", observa. Sobre o controle leiteiro, Tang frisa que é uma peça fundamental de gerenciamento do rebanho. "O produtor cada vez mais está entendendo que deve ter o controle leiteiro e oficializar esse controle leiteiro. No momento que você oficializa, você está ajudando a região, o Estado, o país e até o mundo, porque você tem números. O produtor de leite está nos dando esta alegria, esta oportunidade científica de melhoramento e mostrando os seus números", destaca. Tang reforça que cada produtor em sua região seja um diplomata e um cônsul da Gadolando e que possa indicar vizinhos e amigos para que também efetuem o trabalho fazendo o registro e os controles e classificações. A Gadolando também divulgou o número de animais controlados em 2023, que fechou em 52,44 mil, de 92 produtores participantes do controle leiteiro. Foto: Gadolando/Divulgação Texto: Nestor Tipa Júnior/AgroEffective Colaborou: Astrogildo Nunes – astrogildonunes56@gmail.com


« VOLTAR
AVANÇAR »

Nenhum comentário