Últimas Notícias
Destaques

Palma forrageira: planta mexicana está conquistando um lugar de destaque no Nordeste

A palma forrageira tem ganhado cada vez mais espaço para alimentação do gado no Nordeste. Além de ser um alimento rico em água, também fornece energia e cálcio para o gado. Assista ao vídeo abaixo e confira os detalhes. Em mais um episódio da nova temporada da série “Embrapa em Ação” do Giro do Boi foi ao ar nesta nesta terça-feira, dia 2 de janeiro, e destacou os trabalhos da pesquisa na avaliação da palma forrageira. A temporada explorou reportagens que visitou a unidade da Embrapa Semiárido, em Petrolina (PE), e abordou todas as tecnologias desenvolvidas para a pecuária nordestina. Adaptação da palma forrageira ao clima do Semiárido De origem mexicana, a palma forrageira tem sido um grande alvo para os pesquisadores da Embrapa. Atualmente três cultivares estão despontando nos estudos de variedades adaptadas ao Semiárido brasileiro. O único ponto de atenção a ser observado na implantação das áreas de palma forrageira é a variedade a ser plantada, para que seja resistente a pragas que possam comprometer a produtividade das áreas. De origem mexicana, a palma forrageira tem sido um grande alvo para os pesquisadores da Embrapa. Atualmente três cultivares estão despontando nos estudos de variedades adaptadas ao Semiárido brasileiro. O único ponto de atenção a ser observado na implantação das áreas de palma forrageira é a variedade a ser plantada, para que seja resistente a pragas que possam comprometer a produtividade das áreas. Base alimentar indispensável para o rebanho A planta se tornou um ingrediente que forma a base alimentar indispensável para os rebanhos de praticamente todas as regiões áridas e semiáridas do Nordeste brasileiro. Isso porque o vegetal possui alta palatabilidade, resistência à seca e elevada produção de biomassa. As características fazem da palma uma grande aliada do produtor rural nordestino o ano todo, trazendo sustentabilidade para os sistemas de produção de carne e leite. Fábio Moitinho Foto: Divulgação Colaborou: Astrogildo Nunes – astrogildonunes56@gmail.com


« VOLTAR
AVANÇAR »

Nenhum comentário