Últimas Notícias
Destaques

Acusados de matar “Japão” em Jaru são inocentados pela justiça e mãe se ajoelha em desespero

O Tribunal do Júri da Comarca de Jaru, inocentou nesta sexta-feira(25), Adailton Soares de Oliveira, o “Leka” e Gustavo Souza Barbieri, da acusação de homicídio de Franciney da Silva Ferreira, popular “Japão”, ocorrido no dia 20 de junho de 2020 na Linha 605, Jardim dos Estados, em Jaru. O primeiro julgamento ocorrido em junho de 2022, foi cancelado, na ocasião Leka e Gustavo haviam sido condenados a 18 e 16 anos de prisão, respectivamente.Japão foi morto a pauladas em via pública, Leka golpeou Japão, e Gustavo conduziu o veículo na fuga.Neste novo julgamento os jurados acolheram a tese da defesa e entenderam que Gustavo não teve participação no crime e que Leka, cometeu o crime, mas de lesão corporal seguido de morte, sem intensão de matar. Após um dia inteiro de julgamento, o juiz criminal Dr. Alencar das Neves Brilhante, pronuncio a sentença já por volta das 23h, absolvendo Gustavo que já aguardava em liberdade e sentenciando Leka a 4 anos em regime semiaberto por lesão corporal, a decisão serviu de alvará de soltura, ele irá proceder com sua pena com o comparecimento ao regime semiaberto nos período estipulados.O promotor de justiça Victor Ramalho Monfredinho, relatou que irá analisar a possibilidade de recorrer da decisão.A defesa dos acusados composta por quatro advogados, enalteceram o resultado do julgamento e consideram que a justiça foi feita.Os familiares dos acusados comemoraram a decisão, já a mãe da vítima, se ajoelhou e caiu aos prantos, inconformada com o resultado. Fonte: JARU ON LINE Foto: Divugação Colaborou: Astrogildo Nunes – astrogildonunes56@gmail.com


« VOLTAR
AVANÇAR »

Nenhum comentário