Publicidade:

Soja continua subindo em Chicago nesta 3ª feira com mercado atento à revisão dos números na AMS



O mercado da soja continua operando em campo positivo nesta manhã de terça-feira (4) na Bolsa de Chicago. Os futuros da oleaginosa, por volta de 7h30 (horário de Brasília), subiam entre 10 e 11,75 pontos, voltando a mirar os US$ 14,00 por bushel. O contrato janeiro era negociado a US$ 13,55 e o maio, US$ 13,76 por bushel. 

O clima adverso na América do Sul segue no centro das atenções do mercado, bem como os cortes nas estimativas que vêm sendo feitos para as safras. No Brasil, ontem a consultoria StoneX reduziu sua projeção de 145,1 para 134 milhões de toneladas na temporada 2021/22. 

Somente no Paraná, o Deral (Departamento de Economia Rural) corrigiu seu número de 18,4 milhões de toneladas em dezembro para 13,1 milhões. As projeções iniciais da safra paranaense eram de 21 milhões de toneladas. 

As previsões ainda sinalizam condições desfavoráveis para importantes regiões produtoras não só do Brasil - em especial no Sul do país em função da estiagem, com os estados já decretando estado de emergência - e os padrões se mantendo, pelo menos, até meados deste mês também para Argentina e Paraguai.

Do mesmo modo, e também pela preocupação com o clima, os traders segue muito atentos às altas fortes que têm sido registradas entre os derivados de soja, em especial o farelo, que somente nesta segunda-feira (3) subiu 3% na CBOT. Hoje, os ganhos são mais tímidos. 

O comportamento da demanda, em especial com o início da colheita brasileira, também é monitorado bem de perto. 

fonte : www.noticiasagricolas.com.br

 

    Comente usando o Google
    Comente usando o Facebook

0 comentários:

Postar um comentário

 
Copyright © 2018 Mídia Rural. Todos os Direitos Reservados
Du Pessoa Agência Digital (73) 9 8888 1488 WhatsApp www.dupessoa.com.br