Publicidade:

Nova ZCAS se forma e Inmet coloca toda área do BR Central em alerta laranja para chuvas intensas



Os próximos dias serão marcados por muita chuva na região central do Brasil. De acordo com as previsões mais recentes do Instituto Nacional de Meteorologia (Inmet), a formação de uma nova Zona de Convergência do Atlântico Sul (ZCAS) vai elevar o volume de chuva e deixa toda área em estado de alerta para possíveis transtornos tanto na cidade, mas também no campo. 

De acordo com Naiane Araújo, meteorologista do Inmet, entre esta quinta e sexta-feira (7), o estado de alerta é válido em todos os estados da região Sudeste do Brasil, Mato Grosso, Goiás, oeste da Bahia, Tocantins e sul do Maranhão e do Piauí. Todas essas áreas têm a situação monitorada pelo Inmet e estão em estado laranja para chuvas intensas. "Chuva entre 30 e 60 mm/h ou 50 e 100 mm/dia, ventos intensos (60-100 km/h). Risco de corte de energia elétrica, queda de galhos de árvores, alagamentos e de descargas elétricas", destaca o alerta laranja. 

Veja as áreas em estado de alerta laranja nesta quinta-feira (6): 
 

Alerta laranja 06012022
Fonte: Inmet: 

De acordo com o modelo Cosmo, a tendência é de permanência das chuvas nos próximos dias, com destaque para Minas Gerais e Rio de Janeiro que podem ter acumulados de até 70mm. Em São Paulo e no Centro-Oeste a previsão é de pelo menos 30mm de chuva por dia até o final de semana. 

No domingo, próximo dia 9, o sistema deve ganhar ainda mais força e aumentar as precipitações em Minas Gerais, Goiás e áreas do Tocantins, além de manter a condição para formação de nuvens carregadas nas demais áreas. 

Veja o mapa de previsão de precipitação nas próximas 93 horas:
 

GIF 06-01-2022 10-53-05
Fonte: Inmet 

Enquanto chove muito nessas regiões, a previsão estendida da Administração Oceânica e Atmosférica (NOAA) indica poucas condições de chuvas no Sul do Brasil nos próximos sete dias. De acordo com a atualização divulgada nesta manhã, Santa Catarina e Paraná podem receber algum volume de chuva nos próximos dias, mas no Rio Grande do Sul a tendência é de tempo muito seco. 

Entre os dias 14 e 22 de janeiro, o NOAA começa a mostrar uma mudança nas condições para o Sul do Brasil. De acordo com o modelo norte-americano, na virada do mês as chuvas diminuem na região central do país e volta a chover nos três estados, com previsão entre 20mm e 50mm, mas ainda apresentando irregularidade. 

Veja o mapa de previsão estendida para todo Brasil: 
 

NOAA 06012022
Fonte: NOAA

Soja na Fazenda São Francisco de Assis. Envio feito por Ricardo Colombo - Catanduva (SP) 
Soja na Fazenda São Francisco de Assis. Envio feito por Ricardo Colombo - Catanduva (SP)

Soja na Fazenda São Francisco de Assis. Envio feito por Ricardo Colombo - Catanduva (SP)
Soja na Fazenda São Francisco de Assis. Envio feito por Ricardo Colombo - Catanduva (SP)

Lavoura de Soja. Envio feito por Júlio Takashi - Balsa (MA)
Lavoura de Soja. Envio feito por Júlio Takashi - Balsa (MA)

Soja na propriedade da família Alcântara. Envio feito por Mário José Milani - Cerejeiras (RO)
Soja na propriedade da família Alcântara. Envio feito por Mário José Milani - Cerejeiras (RO)

Soja na propriedade da família Alcântara. Envio feito por Mário José Milani - Cerejeiras (RO)
Soja na propriedade da família Alcântara. Cerejeiras (RO)

fonte : www.noticiasagricolas.com.br

 

    Comente usando o Google
    Comente usando o Facebook

0 comentários:

Postar um comentário

 
Copyright © 2018 Mídia Rural. Todos os Direitos Reservados
Du Pessoa Agência Digital (73) 9 8888 1488 WhatsApp www.dupessoa.com.br