Publicidade:

Argentina estende suspensão das exportações de carne bovina até o fim de 2023




 O Ministério da Agricultura, Pecuária e Pesca da Argentina anunciou que vai estender a suspensão das exportações de sete cortes de carne bovina até o final de 2023. De acordo com o decreto 911/21 fica reservado para o mercado interno os cortes de de costela com ou sem osso, coxão mole, paleta e vazia, limitando as exportações até 31 de dezembro. 

Até a data informada também fica suspensa a exportação definitiva e/ou suspensiva de carcaças inteiras, meias-carcaças, quartos dianteiros com osso, quartos traseiros com osso, meias-carcaças incompletas com osso e quartos dianteiros incompletos com osso. 

O presidente da Argentina, Alberto Fernandez, tinha suspendido temporariamente todas as exportações da proteína em maio de 2021. O governo também pretende criar um conselho consultivo para orientar produtores e ter aumento na produtividade e propor ajustes na cadeia produtiva. 

A suspensão dos embarques é uma medida para conter a inflação dos alimentos na Argentina, na qual o governo local busca gerar um equilíbrio entre o mercado argentino e a exportação de carnes. 


fonte: www.noticiasagricolas.com.br


    Comente usando o Google
    Comente usando o Facebook

0 comentários:

Postar um comentário

 
Copyright © 2018 Mídia Rural. Todos os Direitos Reservados
Du Pessoa Agência Digital (73) 9 8888 1488 WhatsApp www.dupessoa.com.br