Publicidade:

Milho permanece retraído na B3 e cai para R$ 86,00 nesta 3ªfeira






 Os preços futuros do milho seguem recuando na Bolsa Brasileira (B3) ao longo desta terça-feira (09), com as principais cotações operando entre R$ 82,00 e R$ 86,00 por volta das 11h49 (horário de Brasília).

O vencimento novembro/21 era cotado à R$ 85,53 com desvalorização de1,63%, o janeiro/22 valia R$ 86,14 com baixa de 1,22%, o março/22 era negociado por R$ 86,51 com perda de 1,00% e o maio/22 tinha valor de R$ 82,60 com queda de 0,78%.

De acordo com a análise da Agrifatto Consultoria, “o recuo dos futuros do cereal na B3 reflete o movimento de importação e o clima positivo para o milho primeira safra”.

Mercado Externo

A Bolsa de Chicago (CBOT) registra pequenas elevações para os preços internacionais do milho futuro nesta terça-feira, enquanto a divulgação do relatório de oferta e demanda do USDA (Departamento de Agricultura dos Estados Unidos) vai se aproximando.

Por volta das 11h38 (horário de Brasília), o vencimento dezembro/21 era cotado à US$ 5,52 com ganho de 0,75 pontos, o março/22 valia US$ 5,61 com alta de 0,75 pontos, o maio/22 era negociado por US$ 5,66 com valorização de 0,75 pontos e o julho/22 tinha valor de US$ 5,68 com elevação de 0,50 pontos.

Segundo informações do site internacional Farm Futures, os preços do milho subiram esta manhã devido ao aumento dos preços do trigo e a ritmos de colheita de milho mais lentos do que o esperado no meio-oeste. 

“Os agricultores em todo o meio-oeste se beneficiaram de uma semana de céu limpo e temperaturas moderadas, de acordo com dados do USDA divulgados no último relatório de progresso da safra ontem. Em 7 de novembro, 84% dos 2.021 acres de milho dos EUA previstos foram colhidos, um aumento de 10% em relação à semana anterior”, relata a analista Jacqueline Holland.

    Comente usando o Google
    Comente usando o Facebook

0 comentários:

Postar um comentário

 
Copyright © 2018 Mídia Rural. Todos os Direitos Reservados
Du Pessoa Agência Digital (73) 9 8888 1488 WhatsApp www.dupessoa.com.br