Publicidade:

Citros/Cepea: Movimento de alta dos preços pode ser interrompido em novembro



Os preços da laranja in natura estão subindo de forma consecutiva desde julho. De acordo com pesquisadores do Cepea, o impulso vem da oferta restrita no mercado de mesa. Em boa parte de outubro, a variedade pera chegou a ser negociada acima dos R$ 50,00/cx de 40,8 kg. Contudo, agentes consultados pelo Cepea acreditam que esse movimento de alta pode ser interrompido em novembro, fundamentados no crescimento da oferta das variedades tardias e no poder de compra fragilizado de grande parte da população, que já vem limitando a demanda pela fruta. Em outubro, a média da laranja pera foi de R$ 49,88/cx de 40,8 kg, na árvore, altas de 10% em relação à de setembro/21 e de 28,3% frente à de outubro/20, em termos nominais. 


 

    Comente usando o Google
    Comente usando o Facebook

0 comentários:

Postar um comentário

 
Copyright © 2018 Mídia Rural. Todos os Direitos Reservados
Du Pessoa Agência Digital (73) 9 8888 1488 WhatsApp www.dupessoa.com.br