Publicidade:

Soja: Comercialização evolui com lentidão no Brasil, indica Safras





A comercialização da safra 2020/21 de soja do Brasil envolve 89,2% da produção projetada, conforme relatório de SAFRAS & Mercado, com dados recolhidos até 8 de outubro. No relatório anterior, com dados de 1 de setembro, o número era de 85,9%.

 Em igual período do ano passado, a negociação envolvia 98,4% e a média de cinco anos para o período é de 91,8%. Levando-se em conta uma safra estimada em 137,19 milhões de toneladas, o total de soja já negociado é de 122,39 milhões de toneladas.

 No período, a comercialização evoluiu um pouco melhor, mas o total negociado da safra 20/21 ficou abaixo do percentual de igual período do ano passado e da média para o período. Os produtores seguem retraídos, negociando apenas o necessário durante os melhores momentos.

As vendas antecipadas da safra 2021/22 estão atrasadas na comparação com o ano passado, mas perto da média de cinco anos. Levando-se em conta uma safra de 142,24 milhões de toneladas, SAFRAS estima uma comercialização antecipada de 28,1%, envolvendo 39,99 milhões de toneladas. No início de agosto, o número era de 25,6%. Em igual período do ano passado, o número era de 52,9% e a média dos últimos cinco anos é de 28,4%.


 

    Comente usando o Google
    Comente usando o Facebook

0 comentários:

Postar um comentário

 
Copyright © 2018 Mídia Rural. Todos os Direitos Reservados
Du Pessoa Agência Digital (73) 9 8888 1488 WhatsApp www.dupessoa.com.br