Publicidade:

Suinocultura independente: setembro inicia com comportamentos diferentes nos preços pelo Brasil



O começo de setembro veio trazendo preços com diferentes movimenações nas principais praças produtoras de suínos. Apesar do mercado em campo misto para a suinocultura independente, a pressão dos custos de produção que segue corroendo as margens do suinocultor é unanimidade.

Em São Paulo, segundo informações da Associação Paulista de Criadores de Suínos (APCS), nesta quinta-feira (2) o preço do animal ficou estável em R$ 6,13/kg. 

O presidente da Associação, Valdomiro Ferreira, explica que a manutenção no preço foi decidida por cautela, pensando no feriado do dia 7 de setembro e nos possíveis desdobramentos para o setor do agronegócio. 

O mercado mineiro registrou leve alta, saindo de R$ 6,50 para R$ 6,70 o quilo vivo. Segundo o consultor de mercado da Associação dos Suinocultores do Estado de Minas Gerais (Asemg), Alvimar Jalles, o mercado mineiro continua na mesma realidade de boas vendas e estoques de animais baixos dentro das granjas. 

"Com o início do mês a aposta é que o aquecimento do mercado dê lastro para essa correção de preços, compatível com a oferta e procura mineira", pontuou.

"Com o início do mês a aposta é que o aquecimento do mercado dê lastro para essa correção de preços, compatível com a oferta e procura mineira", pontuou.

fonte: noticiasagricolas.com.br

 

    Comente usando o Google
    Comente usando o Facebook

0 comentários:

Postar um comentário

 
Copyright © 2018 Mídia Rural. Todos os Direitos Reservados
Du Pessoa Agência Digital (73) 9 8888 1488 WhatsApp www.dupessoa.com.br