Publicidade:

Soja corrige baixas e opera no vermelho em Chicago nesta 5ª à espera do novo USDA



O mercado da soja voltou a recuar nesta quinta-feira (9) na Bolsa de Chicago. Por volta de 7h40 (horário de as cotações cediam entre 7,75  e 8 pontos nos principais vencimentos, com o novembro sendo cotado a US$ 12,71 e o março a US$ 12,86 por bushel. OS traders seguem se preparando para o novo boletim mensal de oferta e demanda do USDA (Departamento de Agricultura dos Estados Unidos). 

O relatório chega nesta sexta (10) e, de acordo com as estimativas, poderia indicar menores produção e produtividade na soja, porém, podendo também corrigir números da demanda. Ainda assim, os estoques finais norte-americanos ficariam extremamente ajustados. Os números atualizados chegam amanhã às 13h (Brasília).

Ainda no radar dos traders permanece a inatividade de uma série de terminais de grãos na região do rio Mississippi comprometendo o escoamento dos grãos, o comportamento da demanda, do clima nos EUA e mais o financeiro. 

E hoje, o dia amanhece no vermelho para as bolsas e mais commodities diante de uma preocupação com a retomada da economia mundial sendo comprometida pela variante delta do coronavírus. A quinta-feira é de perdas expressiva para quase todas as commodities agrícolas, enquanto sobem petróleo e ouro. O dólar index tem leve baixa de 0,09% na manhã de hoje. 

fonte: www.noticiasagricolas.com.br

 

    Comente usando o Google
    Comente usando o Facebook

0 comentários:

Postar um comentário

 
Copyright © 2018 Mídia Rural. Todos os Direitos Reservados
Du Pessoa Agência Digital (73) 9 8888 1488 WhatsApp www.dupessoa.com.br