Publicidade:

Café: Nova York e Londres mantêm preocupação com oferta e abrem com altas



O mercado futuro do café arábica abriu o pregão desta sexta-feira (24) com valorização para os principais contratos na Bolsa de Nova York (ICE Future US).

O mercado segue aguardando o retorno das chuvas no Brasil e precificando com base nos números da Conab divulgados no início desta semana. Analistas seguem indicando que o cenário é de preços firmes no médio e longo prazo. 

Segundo a análise do site internacional Barchart, a preocupação com a oferta restrita de café segue dando suporte aos preços. "O café arábica tem suporte devido aos sinais de oferta menor no Brasil depois que a Conab cortou na terça-feira sua estimativa de produção de café arábica Brasil 2021", afima a publicação.

Por volta das 08h20 (horário de Brasília), dezembro/21 tinha alta de 150 pontos, valendo 192,10 cents/lbp, março/22 tinha alta de 150 pontos, cotado a 194,90 cents/lbp, maio/22 tinha alta de 135 pontos, valendo 195,85 cents/lbp e julho/22 tinha alta de 205 pontos, valendo 197,15 cents/lbp. 

Na Bolsa de Londres, o café tipo conilon abriu o dia com variações técnicas nas principais referências. Novembro/21 tinha queda de US$ 2 por tonelada, valendo US$ 2144, janeiro/22 tinha alta de US$ 7 por tonelada, valendo US$ 2126, março/22 tinha alta de US$ 10 por tonelada, valendo US$ 2076 e maio/22 tinha valorização de US$ 15 por tonelada, cotado a US4 2057.


 

    Comente usando o Google
    Comente usando o Facebook

0 comentários:

Postar um comentário

 
Copyright © 2018 Mídia Rural. Todos os Direitos Reservados
Du Pessoa Agência Digital (73) 9 8888 1488 WhatsApp www.dupessoa.com.br