Publicidade:

Café: Mercado anda de lado após dois dias de baixas em Londres e NY



O mercado futuro do café arábica abriu o pregão desta sexta-feira (10) com poucas variações para os principais contratos na Bolsa de Nova York (ICE Future US). O mercado anda de lado após encerrar os dois últimos dias com forte desvalorização no mercado futuro. Na véspera, os preços foram pressionados pela previsão de chuvas no Sudeste do Brasil. 

Por volta das 09h06 (horário de Brasília), dezembro/21 tinha alta de 30 pontos, valendo 187,55 cents/lbp, março/22 tinha alta de 15 pontos, cotado a 190,35 cents/lbp, maio/22 tinha alta de 20 pontos, valendo 191,40 cents/lbp e julho/22 tinha alta de 20 pontos, valendo 192,05 cents/lbp. 

Na Bolsa de Londres, o café tipo conilon operava com leve alta. Novembro/21 tinha alta de US$ 14 por tonelada, valendo US$ 2064, janeiro/22 tinha alta de US$ 8 por tonelada, cotado a US$ 2046, março/22 tinha alta de US$ 4 por tonelada, valendo US$ 1991 e maio/22 tinha valorização de US$ 10 por tonelada, negociado por US$ 1979.

Mercado Interno - Última sessão

O tipo 6 bebida dura bica corrida teve queda de 0,46% em Guaxupé/MG, negociado por R$ 1.082,00, Poços de Caldas/MG teve queda de 0,47%, valendo R$ 1.050,00, Araguarí/MG teve baixa de 0,92%, cotado a R$ 1.080,00, Varginha/MG registrou queda de 1,37%, valendo R$ 1.080,00, Campos Gerais/MG teve queda de 1,74%, valendo R 1.073,00 e Franca/SP teve recuo de 0,90%, valendo R$ 1.100,00.

O tipo cereja descascado teve alta de 1,05% em Guaxupé/MG, valendo R$ 1.152,00, Poços de Caldas/MG teve baixa de 0,42%, valendo R$ 1.190,00, Varginha/MG teve queda de 1,33%, valendo R$ 1.110,00 e Campos Gerais/MG encerrou com baixa de 1,65%, valendo R$ 1.133,00.

 

    Comente usando o Google
    Comente usando o Facebook

0 comentários:

Postar um comentário

 
Copyright © 2018 Mídia Rural. Todos os Direitos Reservados
Du Pessoa Agência Digital (73) 9 8888 1488 WhatsApp www.dupessoa.com.br