Publicidade:

Açúcar sobe mais de 1% nesta tarde e retoma patamar de US$ 20 c/lb em NY




 As cotações futuras do açúcar tinham alta de mais de 1% nesta tarde de quarta-feira (22) nas bolsas de Nova York e Londres. No terminal norte-americano, o patamar de US$ 20 c/lb foi retomado com atenção ao petróleo, mas peso de outros fatores.

Por volta das 12h (horário de Brasília), o açúcar bruto subia 1,01%, negociado a US$ 19,96 c/lb na Bolsa de Nova York. Enquanto que em Londres, o tipo branco registrava um alta de 1,02%, a US$ 506,30 a tonelada.

O mercado do adoçante na Bolsa de Nova York voltou a testar os US$ 20 c/lb no dia, com máxima de US$ 20,15 c/lb, acompanhando o finaceiro, com nova disparada do petróleo no dia, apesar de pressão com o câmbio e outros fatores.

Os preços do petróleo subiam mais de US$ 1 nesta quarta-feira, estendendo a alta da véspera, depois do anúncio de que os estoques de petróleo dos EUA caíram mais do que o esperado na semana passada, após a passagem de dois furacões.

"Os preços ainda estão oscilando antes do relatório semanal da EIA, que será entregue hoje mais tarde e antes da decisão de política monetária do Federal Reserve dos EUA... No curto prazo, o petróleo pode se mover com mercados maiores, com foco na política da China e do Fed", disse.

Apesar da tendência de alta no mercado no curto prazo, por outro lado, a baixa ainda pode vir acompanhando a demanda pelo adoçante no mundo em meio alta dos fretes marítimos, além do início da safra em outras origens do mundo.

"Os negociantes disseram que o açúcar provavelmente continuará a se consolidar no curto prazo, mas apontaram para um viés de baixa com a fraca demanda e melhores perspectivas para a próxima safra de cana na Índia e na Tailândia", destacou a Reuters.


    Comente usando o Google
    Comente usando o Facebook

0 comentários:

Postar um comentário

 
Copyright © 2018 Mídia Rural. Todos os Direitos Reservados
Du Pessoa Agência Digital (73) 9 8888 1488 WhatsApp www.dupessoa.com.br