Menor oferta e exportação dão sustentação ao mercado do boi



Boi gordo: Indústrias pagam R$ 10 a mais para atender mercado ...



Na praça paulista, a cotação do ‘’boi comum’’ ficou estável na última terça-feira (2/6), na comparação feita dia a dia. 

Para os animais com destino ao mercado chinês o mercado está firme. Os negócios com machos com menos de quatro dentes giram em torno de R$200,00 a R$205,00 por arroba, segundo levantamento da Scot Consultoria. 

Para a novilha a cotação está em R$190,00/@ bruto à vista. 

No Norte de Minas Gerais, com a disponibilidade de gado limitada e as escalas encurtando, as indústrias frigoríficas tiveram que ofertar preços maiores para atender as programações de abate.

Na região a cotação do boi gordo subiu 1,6% na comparação dia a dia, ou R$3,00/@, e ficou cotada em R$195,00/@, considerando o preço bruto, a prazo, R$194,50/@, com desconto do Senar, e R$192,00/@ com desconto do Funrural e Senar.

Análise originalmente publicada no informativo Tem Boi na Linha de 2/6/2020.


    Comente usando o Google
    Comente usando o Facebook

0 comentários:

Postar um comentário

 
Copyright © 2018 Mídia Rural. Todos os Direitos Reservados
Du Pessoa Agência Digital (73) 9 8888 1488 WhatsApp www.dupessoa.com.br