Falta de chuva deixou algumas lavouras ralas", destaca presidente da Aprosoja MT






 (Crédito: Repórter Agro)

 O presidente da Aprosoja (Associação dos Produtores de Soja) Antônio Galvan conversou neste final de semana com a reportagem do Repórter Agro e falou sobre o atraso no plantio de soja no estado.

Na região Norte Araguaia, por exemplo, a semeadura está quase 14% mais lenta se comparada com a safra anterior.

O atraso é devido a escassez de chuvas no estado. 

"Tem lavouras, que por conta da pouca chuva, comprometeu as plantas, poderia ter nascido mais por metro quadrado, aí ficou ralo", destacou Antônio Galvan.

Isso, segundo o presidente da Aprosoja, pode comprometer a produtividade de algumas lavouras do estado. 

"Vai depender muito do que acontecer daqui para frente com o clima, é fator prepoderante para a produtividade das lavouras", destacou Galvan, reforcando  que esse atraso pode refletir  tambem no cultivo de milho, que começa assim que a safra de soja for concluída.








fonte reporter agro


    Comente usando o Google
    Comente usando o Facebook

0 comentários:

Postar um comentário

 
Copyright © 2018 Mídia Rural. Todos os Direitos Reservados
Du Pessoa Agência Digital (73) 9 8888 1488 WhatsApp www.dupessoa.com.br