Aumento da oferta pressiona para baixo as cotações da pluma e caroço de algodão





Até o dia 26/7, a colheita do algodão atingiu 25,4% da área semeada em Mato Grosso na temporada 2018/2019, segundo o Instituto Mato-grossense de Economia Agropecuária (Imea). 

Os trabalhos estão adiantados em relação à safra passada, quando neste momento 15,5% da área havia sido colhida.

No total (primeira e segunda safras) foram semeados no estado 1,07 milhão de hectares com algodão em 2018/2019, sendo 913,54 mil hectares na segunda safra, o equivalente a 85,2% da área total. 

Em função dos bons resultados econômicos no ciclo passado, a área com algodão cresceu 36,5% em Mato Grosso na safra atual. 

Além do incremento expressivo na área, a produtividade média melhorou 0,6% e, com isso, a produção de pluma aumentou 35,4% no estado. Estão previstas 1,85 milhão de toneladas de pluma. 

Com relação ao caroço de algodão, a produção mato-grossense está estimada em 2,47 milhões de toneladas, 35,8% mais que no ciclo passado. 

O avanço da colheita e a maior disponibilidade de pluma e caroço de algodão mantêm os preços pressionados para baixo no mercado interno. 








fonte scotconsultoria

    Comente usando o Google
    Comente usando o Facebook

0 comentários:

Postar um comentário

 
Copyright © 2018 Mídia Rural. Todos os Direitos Reservados
Du Pessoa Agência Digital (73) 9 8888 1488 WhatsApp www.dupessoa.com.br