Dois são presos em Lucas do Rio Verde por fraudes em venda de grãos em 3 Estados





Foi deflagrada na manhã desta terça-feira (26), a Operação Gran Família, cujo objetivo visa cumpridos 13 mandados de prisão temporária e 17 de busca e apreensão em Goiás, Mato Grosso e São Paulo.

A ação foi deflagrada pelo Grupo de Atuação Especial de Combate ao Crime Organizado (Gaeco) do Ministério Público de Goiás. Segundo informações, o grupo suspeito utilizava empresas de fachadas em outros estados para vender grãos produzidos em Goiás.


Segundo investigações foram apontadas o prejuízo de mais de R$ 50 milhões. Os suspeitos que são da mesma família e moradores de Rio Verde e Cristalina faziam o uso de documentos falsos e lavagem de dinheiro na comercialização de grãos.


A mercadoria era obtida sem nota fiscal do produtor e enviada para outros estados com notas das empresas de fachada, conforme diligências do MPGO.


São cinco mandados de prisão em Rio Verde, quatro em Cristalina, um em Senador Canedo, dois no estado do Mato Grosso e um em São Paulo. Nas investigações foi aponta ainda que uma das empresas localizada em Mato Grosso, movimentou mais de R$ 100 milhões entre 2013 e 2014.





fonte nortao noticias

    Comente usando o Google
    Comente usando o Facebook

0 comentários:

Postar um comentário

 
Copyright © 2018 Mídia Rural. Todos os Direitos Reservados
Du Pessoa Agência Digital (73) 9 8888 1488 WhatsApp www.dupessoa.com.br