Garoto queimado vivo em plantação milho foi confundido e morto por engano




O adolescente encontrado morto em uma plantação de milho em Canarana, foi assassinado após ser confundido com outra pessoa. Essa é a conclusão da Polícia Civil, que prendeu três jovens suspeitos de cometerem o crime.

O corpo do menino foi encontrado em uma região de fazendas na zona rural, na madrugada do dia 7 de julho. Os suspeitos foram presos apenas na sexta-feira (13).

De acordo com o Deuel da Paixão, a vítima possivelmente foi confundida como sendo um dos rapazes que participou de uma briga, ocorrida anteriormente entre os envolvidos. Essa foi a razão que motivou o assassinato.

Foram presos Washington Rodrigo Silva Maia, Diego Silva Maia e Samuel da Silva Santos, sendo que os dois primeiros se apresentaram na delegacia e o terceiro foi encontrado em uma propriedade na zona rural de Canarana.

“Eles se envolveram em uma briga há alguns meses. Dessa briga, o dente do Diego foi quebrado. Seis garotos o agrediram. Ele acreditou que a vítima estava entre esses garotos”, afirmou o delegado.

Motivado por essa certeza, Diego e os outros suspeitos abordaram o adolescente e o levaram até o local onde seria morto.

“O adolescente é colega desse grupo que se envolveu na briga. Ele mora no mesmo bairro, mas não há elementos que comprovem que ele estava na briga”, disse o delegado.

A polícia ainda não sabe o motivo da briga que gerou a confusão e a morte do adolescente. Dois dos suspeitos ficaram em silêncio e um deles disse que apenas ajudou os demais

As investigações da polícia apontam que o adolescente foi rendido pelos suspeitos e colocado à força dentro de um veículo. O garoto foi asfixiado, espancado na região da cabeça e teve o pescoço cortado com um canivete.

Após as agressões, os suspeitos ainda atearam fogo no corpo da vítima, que ainda estava viva, conforme a polícia.

O corpo do adolescente foi encontrado em uma lavoura de milho pelo funcionário de uma fazenda, que acionou a Polícia Militar.

Os três foram encaminhados para a Cadeia Pública de Canarana. As investigações devem ser concluídas nos próximos dias.




fonte agencia da noticia
    Comente usando o Google
    Comente usando o Facebook

0 comentários:

Postar um comentário

 
Copyright © 2018 Mídia Rural. Todos os Direitos Reservados
Du Pessoa Agência Digital (73) 9 8888 1488 WhatsApp www.dupessoa.com.br