Soja: Mercado tem estabilidade nesta 3ª em Chicago após altas intensas do último pregão






Os preços da soja trabalham com leves altas na Bolsa de Chicago no pregão desta terça-feira (22). Os futuros da commodity, por volta de 8h15 (horário de Brasília), subiam entre 1,75 e 2,25 pontos, com o julho/18 buscando retomar os US$ 10,30 e sendo cotado a US$ 10,27 por bushel. 
O mercado dá continuidade, mesmo de forma mais tímida, ao movimento de alta da sessão anterior, quando os preços subiram quase 30 pontos entre as posições mais negociadas. A suspensão da guerra comercial entre China e Estados Unidos foi o principal combustível para as cotações. 
"Os traders seguem focados nos acordos comerciais, já que mais detalhes precisam ser confirmados e conhecidos", dizem os analistas da consultoria internacional Allendale, Inc. 
No paralelo, o mercado está atento ainda ao andamento da nova safra norte-americano, onde 56% da área de soja já está plantada, contando com boas condições de clima no Corn Belt. No entanto, as previsões indicando a chegada de chuvas frequentes e tempestades poderiam comprometer o ritmo dos trabalhos de campo em algumas regiões produtoras. 
Também no radar dos traders segue a movimentação do dólar. A moeda americana permanece muito forte frente às principais divisas internacionais e esse acaba sendo um fator de pressão sobre as cotações, ou ao menos de limite para o avanço, como também explicam analistas internacionais. 
Veja como fechou o mercado nesta segunda-feira:
Tags:
 
Por: Carla Mendes
Fonte: Notícias Agrícolas

    Comente usando o Google
    Comente usando o Facebook

0 comentários:

Postar um comentário

 
Copyright © 2018 Mídia Rural. Todos os Direitos Reservados
Du Pessoa Agência Digital (73) 9 8888 1488 WhatsApp www.dupessoa.com.br