Soja ganha valorização no Brasil





As cotações da soja tiveram nesta terça-feira (24.04) um dia de altas no mercado físico brasileiro, influenciadas pelas valorizações do Dólar e da Bolsa de Chicago. De acordo com a T&F Consultoria Agroeconômica, em média os preços subiram 0,29% nos portos e 0,90% no interior do País (índices do Cepea).



O analista da T&F Luiz Fernando Pacheco explica que essa subida foi possível pela alta de 0,48% da moeda norte-americana frente ao Real e da subida dos prêmios pagos nos terminais portuários, além da leve alta de 0,14% da soja em Chicago. “Estamos entrando numa fase sazonal em que as exportações brasileiras de soja superam as dos EUA e esta situação tem se agravado com a disputa comercial deste país com a China, o que já elevou os prêmios da soja brasileira em mais de 30%”, explica o analista.
Com isto, cresce a disputa interna entre as indústrias e as Tradings pelo grão, o que explica a alta mais forte dos preços no interior do país. “De nossa parte, a T&F volta a afirmar que os preços ainda estão elevados e apresentam uma boa lucratividade”, frisa Pacheco. 
“Nossa recomendação, portanto, continua sendo de venda, porque há elementos negativos à vista, de curto e de longo prazo, como: possibilidade de aumento da área de soja nos EUA, excesso de posições compradas dos Fundos, que favorece quedas abruptas e disputa comercial com a China, que podem arrefecer parte da demanda dos EUA (não confundir com a alta dos volumes atuais, que é uma antecipação de embarques enquanto as restrições não chegam)”, conclui.  



fonte agrolink
    Comente usando o Google
    Comente usando o Facebook

0 comentários:

Postar um comentário

 
Copyright © 2018 Mídia Rural. Todos os Direitos Reservados
Du Pessoa Agência Digital (73) 9 8888 1488 WhatsApp www.dupessoa.com.br