Motorista e esposa ficam reféns de ladrões de carreta em MT







Quatro pessoas foram presas e uma adolescente apreendida em ação da Delegacia Especializada de Roubos e Furtos de Veículos Automotores (Derrfva) que investigava roubo a uma carreta com restrição da liberdade do caminhoneiro e sua esposa, rendidos em Várzea Grande. Os criminosos só libertaram as vítimas após ação da Polícia Civil.

Os trabalhos foram realizados em conjunto com a Delegacia de Polícia de Coxim (MS) e com a Polícia Rodoviária Federal (PRF).

A Polícia Civil recebeu comunicação de crime na manhã de quarta-feira (21), quando o proprietário do caminhão Scania/G 420 A6X4 relatou que o veículo estava fazendo uma rota diferente da programada e que o motorista responsável por fazer o trajeto estava desaparecido.

A PRF interceptou o veículo no posto de Coxim e realizou a detenção do homem que dirigia a carreta.

Em compartilhamento de informações, a Delegacia de Polícia da cidade sul-mato-grossense repassou à Derrfva à confissão do detido – que seguia para o Paraguai - e a identidade dos comparsas, que moram em Cuiabá.

Em apuração, a Polícia Civil, por meio dos trabalhos da Derrfva localizou o endereço da quadrilha no Bairro Planalto, na Capital.

Os suspeitos que estavam em Cuiabá foram presos no início da noite de quarta-feira (21). 

Em diligência ao endereço, os policiais encontraram pertences das vítimas (motorista da carreta e esposa) e um aparelho (rádio) do caminhão. As vítimas só foram libertadas após a ação policial, quando outros envolvidos souberam que os comparsas haviam sido presos.

O casal rendido em Várzea Grande já realizou reconhecimento de três dos envolvidos no crime.

Abordado pelos policiais, um dos ladrões chegou a mentir sobre sua identidade com o objetivo de ocultar mandado de prisão em aberto contra ele na cidade de Rondonópolis. Em seu interrogatório ele permaneceu calado, os outros detidos negaram participação no crime.

No entanto, segundo o delegado titular da Derrfva, Vitor Hugo Bruzulato Teixeira, as investigações apontam com clareza que os indivíduos estão associados para a prática de roubos.

Os quatro maiores de idade foram autuados pelo crime de roubo, associação criminosa e corrupção de menores, recolhidos a unidade prisional para posteriormente serem encaminhados à Audiência de Custódia, a adolescente vai responder por ato infracional análogo aos mesmos delitos.





fonte midianews
    Comente usando o Google
    Comente usando o Facebook

0 comentários:

Postar um comentário

 
Copyright © 2018 Mídia Rural. Todos os Direitos Reservados
Du Pessoa Agência Digital (73) 9 8888 1488 WhatsApp www.dupessoa.com.br