Associação manterá aumento de 25% no pedágio na rodovia Nova Mutum-Trivelato, diz presidente



A Associação dos Beneficiários da Rodovia da Produção não acatará o pedido de anulação do aumento da tarifa de pedágio na MT-235 (Rodovia da Produção), que liga Nova Mutum a Santa Rita do Trivelato, a partir do dia 15 deste mês. Atualmente, o valor cobrado é de R$ 6 e vai passar para R$ 7,50, por eixo. A informação foi confirmada pelo presidente Nestor Poletto, ao Só Notícias.
“É muito simples qualquer um chegar e falar, não faz isso ou aquilo. Não trouxeram mecanismos suficientes para não aplicarmos a cobrança. É fácil chega e pedir para não aumentar. Estamos amparados pela legalidade e precisamos manter a viabilidade economia da rodovia. Somos responsabilizados por ela. A Ager nos responsabiliza se não cumprimos as responsabilidades da cobrança. Não aceitamos nenhum tipo de ameaça por parte de vereador. Se acham que existe alguma irregularidade que procurem o Ministério Público e denunciem”, disse.
O vereador Cristiano Bicô protocolou no dia 12 de dezembro, na concessionária, pedido de anulação do aumento da tarifa de pedágio. Ele expôs que foi procurado por usuários que passam pela rodovia várias vezes por semana e alegam falta de investimentos, má conservação da pista, falta de bloqueio de passagens de animais e outras situações.
Conforme Só Notícias já informou, o reajuste na tarifa foi autorizado pela Agência Estadual de Regulação de Serviços Delegados (Ager) em dezembro do ano passado, após pedido da Associação dos Produtores da Rodovia da Produção, que administra o trecho que tem cerca de 113 km de extensão pavimentada.




fonte sonoticias
    Comente usando o Google
    Comente usando o Facebook

0 comentários:

Postar um comentário

 
Copyright © 2018 Mídia Rural. Todos os Direitos Reservados
Du Pessoa Agência Digital (73) 9 8888 1488 WhatsApp www.dupessoa.com.br