Autoridades articulam construção de ponte de concreto sobre o Rio Fontoura em Santa Cruz do Xingu





Uma comitiva de vereadores esteve na Assembleia Legislativa para pedir a intervenção do deputado estadual Silvano Amaral (PMDB) para que seja construída uma ponte de concreto na região do Projeto de Assentamento (P.A) Brasil Paiva I. O objetivo é tornar mais próximas as cidades de Santa Cruz do Xingu e Confresa. 

Segundo a vereadora Liliane Fedrigo (PMDB), trata-se do mesmo assentamento, mas que foram divididos por cada um estar demarcado em municípios diferentes. “Hoje, para qualquer pessoa chegar ao Brasil Paiva II, isto é, em Confresa, percorre em média 200 quilômetros. Queremos facilitar o acesso e também o escoamento de toda produção de Santa Cruz do Xingu, o que inclui os dois assentamentos. Para se ter uma ideia, são 200 quilômetros até o assentamento Confresa, porém com a ponte reduziria essa distância pela metade”, disse a vereadora.

Neri Carvalho, vereador de Santa Cruz do Xingu, explicou ao deputado Silvano que a prefeitura já entregou ao Instituto Nacional de Colonização e Reforma Agrária (INCRA-MT) o projeto de construção da ponte, porém até agora não houve um posicionamento sobre o a situação. “Por isso viemos até a Assembleia, para pedir o apoio do deputado Silvano para resolver de vez esta situação”, disse o vereador.

Após receber a demanda, no mesmo dia da reunião na Assembleia, a comitiva acompanhada do deputado Silvano esteve no Incra/MT para tratar do assunto juntamente com o superintendente do órgão, João Bosco Moraes. De acordo com Bosco, o Incra/MT aguarda repasse financeiro do governo federal para que a obra da ponte seja executada.

O vereador Aleriano Rodrigues (popular Curió), que também participou da reunião, disse estar otimista, após reunião com o superintendente do Incra/MT. “Ele (Bosco) mostrou interesse em nos ajudar. E, com o empenho do deputado Silvano, só reforça a nossa expectativa de ver essa ponte sair do papel. É uma ponte de 120 metros de extensão, que a gente sabe que pode ser construída em quatro meses”, explicou Curió.

ABASTECIMENTO DE ÁGUA – O deputado Silvano também articula junto à Fundação Nacional de Saúde (Funasa), a liberação de um crédito da prefeitura de Santa Cruz do Xingu, um recurso na ordem de R$ 600 mil, ou seja, mais de meio milhão de reais, que devem ser investidos nos poços artesianos que existem nos assentamentos Brasil Paiva I e Santa Clara.

Segundo o vereador Fernando Luiz da Costa (popular Fernando Terremoto), os poços já existem, por outro lado não possui água. “Estão secos, sem uma gota d’água e para que os poços funcionem, contando com toda tecnologia que já existe para que passe a fornecer água, é preciso investimento financeiro e por isso pedimos o apoio, mais uma vez, do deputado Silvano que é um grande parceiro e tem nos ajudado bastantes nessas questões de infraestrutura do nosso município”, disse o vereador.



fonte agencia da noticia

    Comente usando o Google
    Comente usando o Facebook

0 comentários:

Postar um comentário

 
Copyright © 2015. Mídia Rural - Todos os Direitos Reservados
Um Projeto: Du Pessoa© Web Sites e Marketing Digital (69) 9366 7066 WhatsApp* | www.dupessoa.com.br