Frigoríficos pressionam o mercado do boi gordo





Já é possível notar com maior frequência indústrias pressionando o mercado do boi gordo, na tentativa de compras em patamares menores de preços. 

Alguns frigoríficos, que iniciaram a semana fora das compras, se posicionaram na última terça-feira (19/9) com preços abaixo dos observados na semana passada, isso fez as cotações do boi gordo cederem em dezessete, das trinta e duas praças pesquisadas pela Scot Consultoria.

Vale destacar que os negócios nestes patamares menores de preços não ocorrem ou acontecem de forma muito lenta.

Outro cenário que também é observado é o de praças com a maior parte dos frigoríficos ainda fora das compras, como as praças de Belo Horizonte e Triângulo Mineiro.

Já em São Paulo a arroba fechou em queda, cotada em R$142,00, à vista, livre de Funrural. Negócios de até R$2,00/@ abaixo desta referência são comuns no estado. 

O mercado atacadista de carne bovina com osso está estável. A carcaça de bovinos castrados está cotada em R$9,34/kg. O escoamento da carne segue lento nas indústrias e desvalorizações não estão descartadas no curto prazo.




FONTE SCOT CONSULTORIA

    Comente usando o Google
    Comente usando o Facebook

0 comentários:

Postar um comentário

 
Copyright © 2015. Mídia Rural - Todos os Direitos Reservados
Um Projeto: Du Pessoa© Web Sites e Marketing Digital (69) 9366 7066 WhatsApp* | www.dupessoa.com.br