Mercado de reposição ganhando movimentação em Mato Grosso






Nas últimas semanas as negociações no mercado de animais para reposição começaram a ganhar mais ritmo em Mato Grosso.

Embora comedido, o viés altista do mercado do boi gordo e as altas de preços no mercado futuro aumentaram a atratividade do confinamento e, consequentemente a comercialização de categorias mais eradas, como o boi magro (12@) e o garrote (9@), foi intensificada.

Mesmo com o aumento da procura, nos últimos trinta dias os preços de todas as categorias permaneceram praticamente inalterados. Entretanto, estendendo o âmbito desta análise, em doze meses o preço de todas categorias de machos de reposição caiu em média, 14,8%.

Este contexto fez com que a relação de troca ficasse mais favorável para o pecuarista, dado que neste mesmo intervalo a arroba caiu menos (12,2%).

Desta maneira, o poder de compra do pecuarista melhorou, em média, 3,1% na troca com todas as categorias. Ênfase para as categorias mais novas como o bezerro de 7,5@ e o bezerro de desmana, que neste exemplo, em agosto de 2016 comprava-se 1,91 com a venda de um boi gordo de 16,5@ e atualmente compra-se 2,02, melhora de 5,7% na relação de troca.

https://www.scotconsultoria.com.br/bancoImagensUP/170616-news-noticias-2.jpg 


fonte scotconsultoria
    Comente usando o Google
    Comente usando o Facebook

0 comentários:

Postar um comentário

 
Copyright © 2015. Mídia Rural - Todos os Direitos Reservados
Um Projeto: Du Pessoa© Web Sites e Marketing Digital (69) 9366 7066 WhatsApp* | www.dupessoa.com.br