Preço da carne bovina em queda há um mês no atacado





Já são quatro semanas com desvalorização no mercado atacadista de carne bovina sem osso.

O volume de vendas atual não é compatível com a oferta de carne de final de safra. O cenário não é bom para o escoamento.

O Boletim Focus do Banco Central trouxe, nesta semana, um cenário preocupante para os índices econômicos. A economia, que cresceria 0,5% este ano, segundo expectativas de duas semanas atrás, foi revisada, e agora imagina-se que o avanço do PIB fique em 0,39%.

A produção industrial despencou. Em maio esperava-se crescimento de 1,52%, mas o indicador caiu pela metade. E a venda de carne bovina é fortemente atrelada ao poder de compra da população.

A arroba do boi gordo em São Paulo está nos menores patamares nominais desde setembro de 2014, as margens das indústrias andam nas máximas históricas e, ainda assim, o que se vê são escalas de abate curtas, controladas. Demonstração, mais do que suficiente, para não desconfiar de que o consumo patina, não anda nada bem, e sem consumo não há como o preço da arroba subir.

Este cenário todo dá ideia do risco existente para quem pretende atrasar as vendas das boiadas e manter o boi no pasto.


fonte sonoticias

    Comente usando o Google
    Comente usando o Facebook

0 comentários:

Postar um comentário

 
Copyright © 2018 Mídia Rural. Todos os Direitos Reservados
Du Pessoa Agência Digital (73) 9 8888 1488 WhatsApp www.dupessoa.com.br