MATO GROSSO DETÉM 25% DA PRODUÇÃO BRASILEIRA DE GRÃOS, APONTA CONAB



A produção de grãos em Mato Grosso está estimada em 59,850 milhões de toneladas na safra 2016/2017. O crescimento perante a safra passada, de 43,425 milhões (t), é de 37,8%. O volume produzido no Estado corresponde a 25% da safra nacional, prevista em 237,2 milhões (t). Os números são do 10º levantamento da safra atual, divulgado nesta terça-feira pela Companhia Nacional de Abastecimento (Conab).
No país, há aumento de 27,1% na produção, ou 50,6 milhões de toneladas a mais que as 186,6 milhões (t) da safra passada. A soja corresponde à maior parcela da produção estadual de grãos. A previsão da Conab é de colheita de 30,513 milhões (t) na safra atual, quantidade 17% superior ao ciclo passado, que fechou com 26,030 milhões (t). Assim como o milho que avançou 75,6% nesta safra e é o 2º maior volume, chegando aos 26,817 milhões (t), sendo que na última temporada a produção foi de 15,271 milhões (t).
De acordo com Normando Corral, presidente da Federação da Agricultura e Pecuária de Mato Grosso (Famato), o clima foi o fator principal para a fartura de produtividade nesta safra. “No ano passado, a seca foi severa e provocou queda na produtividade. Este ano, a chuva e a seca no momento certo promoveram o aumento da produção, especialmente de milho, que cresceu bastante nesta safra”, explica.
O algodão em caroço também registrou aumento de produção na safra deste ano, com a colheita de 2,482 milhões (t), quantidade 12,8% superior às 2,201 milhões (t). Outro grão com aumento significativo foi o feijão, que avançou 54,1% no volume produzido. A colheita do grão está estimada em 360,5 mil (t), superior às 234 mil (t) do ano passado.



fonte sonoticias
    Comente usando o Google
    Comente usando o Facebook

0 comentários:

Postar um comentário

 
Copyright © 2018 Mídia Rural. Todos os Direitos Reservados
Du Pessoa Agência Digital (73) 9 8888 1488 WhatsApp www.dupessoa.com.br