PRODUTOR PODE PRECISAR DE ATÉ 124 SC/HA NA PRÓXIMA SAFRA PARA COBRIR CUSTOS DO MILHO EM MT, DIZ IMEA





O Instituto Mato-grossense de Economia Agropecuária (Imea) revisou as estimativas de custos da próxima safra de milho no Estado. De acordo com o boletim, divulgado ontem, o custo total do milho de alta tecnologia está estimado em R$ 2.580 por hectare, apresentando, em relação à estimativa anterior, um aumento de 1,1%, o que equivale a R$ 27,20 a mais por hectare. Apesar da alta observada no último mês, o Imea destaca que a estimativa ainda continua abaixo à da safra 16/17, consolidada em R$ 2.718,55/ha.
Ainda de acordo com o documento, houve um aumento de 1% nos custos variáveis, ante a estimativa realizada em março de 2017, agora previsto em R$ 2.166,38/ha. Segundo o Imea, com este novo custo e considerando uma produtividade média do milho de alta tecnologia para a safra 17/18, de 120 sc/ha, o ponto de equilíbrio para o preço em MT fica simulado em R$ 18,05.
O instituto calculou, com base no atual preço ponderado pela comercialização da safra 16/17, que é de R$ 17,45/sc, que o produtor precisaria atingir uma produtividade média de 124,15 sacas por hectare para conseguir cobrir seu custo variável. “Dessa forma, considerando o cenário de preços baixo e custos elevados, é importante que o produtor observe todos os indicadores para viabilizar a safra 17/18”, alertam os analistas do Imea. 


fonte IMEA


    Comente usando o Google
    Comente usando o Facebook

0 comentários:

Postar um comentário

 
Copyright © 2015. Mídia Rural - Todos os Direitos Reservados
Um Projeto: Du Pessoa© Web Sites e Marketing Digital (69) 9366 7066 WhatsApp* | www.dupessoa.com.br