Soja avança bem na província de Santa Fe, na Argentina



As altas temperaturas registradas durante os últimos dias no centro-norte da província de Santa Fe, na Argentina, somadas à alternância entre dias ensolarados e nublados, chuvas isoladas e altas porcentagens de umidade permitiram que o desenvolvimento dos cultivos continuasse, mas afetou a colheita do milho de primeira safra.
Segundo informou o Sistema de Estimativas Agrícolas (SEA) do centro-norte da província de Santa Fe, divulgado pela Bolsa de Comércio de Santa Fe e pelo Ministério da Produção, a soja de primeira etapa se desenvolve sob boas condições, atravessando o período crítico de enchimento de grãos. De acordo com o SEA, a disponibilidade de água útil nos perfis de solo é "muito boa" e 75% da superfície plantada apresenta um estado de "bom" a "muito bom", com lotes "excelentes", 15% em estado bom e desenvolvimento de planta médio e 10% em estado de bom a regular, com certo condicionamento em seu desenvolvimento por conta dos excessos hídricos.
Os lotes de segunda etapa, por sua vez, apresentam maior disparidade como consequência do impacto dos eventos climáticos da última semana de dezembro de 2016 e nos primeiros 15 dias de janeiro de 2017.
Tradução: Izadora Pimenta
NFORCAMPO



I
    Comente usando o Google
    Comente usando o Facebook

0 comentários:

Postar um comentário

 
Copyright © 2018 Mídia Rural. Todos os Direitos Reservados
Du Pessoa Agência Digital (73) 9 8888 1488 WhatsApp www.dupessoa.com.br