Safra americana 17/18 terá maior aumento de área em 10 anos e soja tomará espaço de outras culturas



Na última semana o USDA (Departamento de Agricultura dos Estados Unidos) lançou o Outlook 2026, contendo projeções a longo prazo da produção agrícola no país, movimentando o mercado internacional no final da semana. De acordo com análise do Instituto Mato-grossense de Economia Agropecuária (Imea), os dados vieram em linha com a expectativa que já estava sendo sinalizada pelo órgão desde o final de 2016 com incremento a longo prazo na área de soja do país.
De acordo com as projeções, nos próximos dez anos, a safra 17/18 da soja, que será semeada neste ano no país, tende a ser a safra a apresentar o maior incremento anual em área semeada, totalizando 34,6 milhões de hectares. Em contrapartida, o USDA projeta uma redução no cultivo da área agrícola (das oito maiores culturas) até 2026, o que aumentará a participação da soja na produção agrícola dos EUA.
Para o Imea, “de maneira geral, os dados sinalizaram uma expectativa de produção positiva da soja a longo prazo, podendo pressionar o mercado, no entanto, a produtividade pode ser uma das variáveis a modificar este cenário”.

Fonte: Só Notícias/Agronotícias (foto: APPA/arquivo)
    Comente usando o Google
    Comente usando o Facebook

0 comentários:

Postar um comentário

 
Copyright © 2015. Mídia Rural - Todos os Direitos Reservados
Um Projeto: Du Pessoa© Web Sites e Marketing Digital (69) 9366 7066 WhatsApp* | www.dupessoa.com.br