Mercado de reposição segue andando de lado



Na média das categorias de machos anelorados, os preços ficaram estáveis nos últimos sete dias. A queda nas cotações do boi gordo em algumas praças vem colaborando para a resistência a novas altas na reposição. Além disso, a proximidade com o final do ano vem acarretando diminuição das negociações. Entretanto, a oferta curta mantém o mercado pressionado e não há espaço para recuos significativos nas cotações. Dentre os estados pesquisados pela Scot Consultoria, destaque para o Rio Grande do Sul, com valorizações semanais de 0,6% para o boi magro (12@) e de 0,7% para o garrote (9,5@). A baixa oferta dessas categorias e a melhora da demanda (em resposta ao preço firme do boi) vêm influenciando o mercado de reposição no estado. Além disso, as chuvas têm colaborado para a boa situação das pastagens. No cenário geral, a expectativa para o curto prazo é de que não ocorram grandes movimentos de preços, com um mercado mais lento na reta final de 2015. Fonte Agencia da Noticia
    Comente usando o Google
    Comente usando o Facebook

0 comentários:

Postar um comentário

 
Copyright © 2018 Mídia Rural. Todos os Direitos Reservados
Du Pessoa Agência Digital (73) 9 8888 1488 WhatsApp www.dupessoa.com.br