Índios são presos com caminhonete roubada em Vilhena



Uma força tarefa foi montada pela Polícia Militar (PM) e Rodoviária Federal (PRF), para prender índios que ameaçavam vir resgatar quatro indígenas presos com caminhonete roubada, na BR-174, na tarde desta segunda-feira, 14, em frente a Arevil, em Vilhena. Na delegacia de Polícia Civil, chegou a informação para o Núcleo de Inteligência da PM que líderes da aldeia viriam resgatá-los com outra caminhonete roubada. A polícia montou um bloqueio e já conseguiu abordar outros indígenas com a Amarok na rodovia federal. A informação é de que o grupo é da aldeia Enawenê-nawê, mesma etnia que matou dois jovens de Juína (MT). A caminhonete S10, de cor branca, recuperada em poder dos índios, estava sem a placa dianteira, fato que chamou a atenção dos policiais que resolveram abordá-los. A placa traseira é falsa e corresponde a outro veículo. O motorista identificado como Xoxokwa Enawene, deverá ficar a disposição da justiça federal, portanto, conforme informações, os outros três identificados como Lolawenakwaene, Kawetalohi Enawenero e Dodowai Enawene serão liberados.Fonte Extra de Rondônia
    Comente usando o Google
    Comente usando o Facebook

0 comentários:

Postar um comentário

 
Copyright © 2018 Mídia Rural. Todos os Direitos Reservados
Du Pessoa Agência Digital (73) 9 8888 1488 WhatsApp www.dupessoa.com.br