Índios prendem em aldeia homens que atiraram contra pedágio



Índios da etnia Enawene Nawe renderam e prenderam na aldeia, dois homens acusados de efetuarem disparos contra a manifestação indígena na rodovia federal BR-174, município de Juína. As informações dão conta de que o caso aconteceu na manhã desta quarta-feira (09). Os homens estavam com uma caminhonete F-1000 e ao se aproximarem do local onde os índios cobravam pedágio – trecho que leva ao estado de Rondônia -, a dupla efetuou os disparos de arma de fogo. Em seguida fugiram, mas um grupo de índios seguiu os dois e os prenderam-na aldeia. Nervosos e revoltados com a atitude da dupla, os indígenas disseram que só libertariam os homens se a Polícia Federal (PF) estivesse no local e solicitasse a soltura. No entanto a Fundação Nacional do Índio (Funai) entrou com uma negociação e os indígenas decidiram preservar a vida dos presos e os entregarem aos investigadores na Delegacia de Polícia Civil de Juína. Com a dupla foram encontrados R$ 15 mil em espécie. Eles seguiam para o estado de Rondônia. Fonte Nortao Noticias
    Comente usando o Google
    Comente usando o Facebook

0 comentários:

Postar um comentário

 
Copyright © 2018 Mídia Rural. Todos os Direitos Reservados
Du Pessoa Agência Digital (73) 9 8888 1488 WhatsApp www.dupessoa.com.br