Nova Mutum: donos de fazendas às margens da BR-163 são notificados a pavimentar entradas de suas propriedades.



O vereador Luís Carlos Gonçalves (PP) ressaltou a necessidade de um debate mais aprofundado entre produtores e políticos do município em relação a notificação da Rota do Oeste para que os donos de fazendas às margens da BR-163 pavimentem as entradas destas propriedades. Segundo o vereador, que também é presidente do Sindicato Rural da cidade, a empresa já começou a comunicar os proprietários para que realizem a obra. A argumentação seria a de evitar sujeira na pista. O vereador disse ainda que, de acordo com a empresa, a medida é obrigatória para todos os donos de áreas às margens da rodovia. “A empresa está notificando os produtores e dizendo que é de responsabilidade de cada um realizar essa pavimentação nas entradas das fazendas. Analisando o investimento, observei que isso deve custar em torno de R$ 200 mil e torna-se inviável para a classe, tendo em vista o custo alto”. Gonçalves disse que participou, na semana passada, de uma reunião na sede da Federação da Agricultura e Pecuária do Estado de Mato Grosso (Famato) e solicitou da entidade um posicionamento para que esta situação não venha onerar ainda mais a classe produtora. “O produtor já sofre com tantos impostos e cada vez o custo de produção aumenta e não é justo aceitar mais esse gasto. Precisamos buscar alguma alternativa”.
    Comente usando o Google
    Comente usando o Facebook

0 comentários:

Postar um comentário

 
Copyright © 2015. Mídia Rural - Todos os Direitos Reservados
Um Projeto: Du Pessoa© Web Sites e Marketing Digital (69) 9366 7066 WhatsApp* | www.dupessoa.com.br